Tudo o que você precisa saber sobre redes sociais para e-commerce

O uso de redes sociais cresce cada vez mais no mundo e, com certeza, no Brasil também. Percebendo a importância e a grandeza que as redes têm no cotidiano das pessoas, é imprescindível usá-las na estratégia de marketing digital das marcas que desejam ter uma boa presença no mercado.

Não é mais possível ignorar a força das redes sociais: mesmo que você não esteja nelas, seus clientes e futuros consumidores estarão falando de você de alguma forma.

Para entender um pouco melhor esse cenário, uma pesquisa dO Globo revelou que o brasileiro passa mensalmente 650 horas em redes sociais, em média. Isso representa a abertura de infinitas possibilidades para sua marca: estar presente onde seu consumidor está é importantíssimo para ser conhecido e lembrado.

Ou seja: se você tem um e-commerce em 2017, é praticamente impossível ignorar a força das redes sociais!

Quais as vantagens de ter um e-commerce presente nas redes sociais?

  • Aumenta a exposição e visibilidade da marca, atingindo públicos que não seria possível em outras épocas;
  • Cria uma relação tangível entre consumidor e a marca, humanizando e aproximando seus clientes através de interações;
  • Abre um novo canal de tráfego para o e-commerce;
  • Agrupa seguidores, clientes e futuros consumidores numa comunidade com um interesse em comum;
  • Cria um novo local de exposição de seus produtos, que ultrapassa os limites de uma loja física: o consumidor ganha agilidade ao conhecer o produto e já poder adquiri-lo sem sair de casa;
  • Aumenta as chances de vendas através do impulsionamento feito pelos promotores da marca (clientes satisfeitos com seus produtos e serviços que divulgam voluntariamente seu conteúdo).

Para ter sucesso na estratégia de redes sociais para seu e-commerce, é preciso avaliar algumas possibilidades e saber quais estratégias usar.

Fortalecimento da autoridade da marca: as redes sociais são o lugar perfeito para se estabelecer como autoridade em sua área. Mostre que você sabe do que está falando e ofereça dicas e informações preciosas aos consumidores em potencial.

Conteúdo de qualidade: crie conteúdo de qualidade para seu público, não apenas com vendas, mas com assuntos sobre o universo que seus produtos representam.

Segmentação da audiência: ferramentas como o Facebook, por exemplo, permitem segmentar exatamente qual público receberá os anúncios de seu e-commerce. Isso gera muito mais engajamento do que quando seu conteúdo é mostrado para pessoas que não têm interesse no seu produto.

Foque na comunicação direta: ao humanizar a relação entre sua marca e seus clientes, você cria consumidores muito mais satisfeitos e que sabem que serão ouvidos quando precisarem, valorizando seu negócio. Isso deixa sua marca em grande vantagem quando o cliente for escolher entre os concorrentes.

Invista no SAC:ainda falando sobre comunicação, é possível e importante implementar um SAC para sua empresa nas redes sociais. Isso ajuda o cliente a tirar dúvidas sobre sua loja virtual, resolver seus problemas mais rápido e evitar que compartilhe conteúdo negativo sobre a marca.

Análise de métricas: a análise de métricas não pode faltar numa estratégia para e-commerce que inclui das redes sociais. É importante saber de onde vêm seus acessos, em quais redes que tipo de conteúdo tem melhor performance, que rede social gera mais vendas para a loja, em qual delas os clientes interagem melhor e muitos outros dados que apresentam informações esclarecedoras sobre os rumos que sua estratégia precisa tomar.

Existem diversas maneiras de fortalecer a presença da sua marca no mundo digital e enriquecer o tráfego do seu e-commerce através das redes sociais. Para melhor entender que tipo de conteúdo pode ser criado para cada rede, confira nosso artigo sobre as diferentes estratégias de marketing para cada rede social.

Compartilhe essa página

Deixe seu comentário