Quanto custa investir em marketing digital?

Em anos trabalhando com internet já nos deparamos com todos os tipos de dúvidas sobre o custo x benefício do marketing digital. Se for bem estruturado, um trabalho de marketing digital pode alavancar os negócios de uma empresa. 

Porém, por ser algo relativamente novo muitos empresários não conseguem ter a visão do longo prazo e acabam errando na hora de investir. A guerra por curtidas na página ou seguidores no Instagram, também conhecidas como "métricas da vaidade”, são um dos sinais de mau investimento de recursos.

Não existe marketing digital caro, caro é o marketing que não entrega resultados. Isso sim tem um custo alto para qualquer empresa.


Mas afinal, quanto custa o marketing digital para o seu negócio?

Essa resposta depende de muitos fatores. É necessário estudar o seu mercado, seu público, os canais ideais para o seu segmento, quais as ações de marketing e qual o retorno desejado. Além disso é necessário analisar se fará internamente ou contratará uma agência especializada.

Nesse post vamos abordar os principais canais de marketing digital além de outros fatores que podem influenciar no investimento total.


Quem irá executar?

Um trabalho de marketing digital não é simples, você precisa de no mínimo 3 pessoas especializadas em diferentes áreas para um resultado satisfatório. Tendo isso em mente você deve definir se pretende montar uma equipe interna ou terceirizar com uma agência.

Cada uma dessas opções possuem vantagens e desvantagens, que analisaremos num artigo posterior. Com isso definido, é hora de definir os canais de marketing adequados para o seu negócio.


Blog e criação de conteúdo

Um blog com conteúdo bem estruturado pode trazer o melhor custo x benefício no longo prazo. Quando dizemos bem estruturado, estamos falando de textos consistentes com no mínimo 500 palavras, utilizando palavras estratégicas para quem busca no Google, ter um ótimo domínio da língua portuguesa, possuir conteúdo relevante para seu público e tudo isso sem esquecer da identidade da empresa.

Pensando nesse processo, podemos estruturar o trabalho da seguinte forma:

- Pesquisa de palavras buscadas: 15 minutos
- Pesquisa de tema e conteúdos relacionados: 30 minutos
- Redação: 60 minutos
- Otimização para o Google (SEO): 15 minutos
- Inclusão de fotos, vídeos ou gráficos: 15 minutos
- Revisão: 15 minutos
- Adaptação para todos os canais (blog, Facebook, Newsletter): 30 minutos

Total: 180 minutos

Isso mesmo. Produzir e divulgar um bom conteúdo leva pelo menos 3 horas de um produtor de conteúdo.

Agora vamos pensar no custo desse produtor. Tendo como base a cidade de São Paulo, um profissional mediano recebe cerca de R$2.000,00 de salário. Com os outros encargos (13º, férias, impostos) chega a custar R$4.000,00 para a empresa. Divididos pelas 176 horas mensais dá um total de R$22,70 por hora.

Com isso, um bom conteúdo custaria R$68,10 de "mão de obra”. Agora, no caso de uma agência vamos pensar nos seguintes custos:

- Custo da mão de obra: R$68,10
- Despesas administrativas (20%): R$13,68
- Impostos (20%): R$13,68
- Lucro (20%): R$13,68

Total: R$109,14

Com esse valor definido, outra coisa precisa ser pensada: Qual o volume de conteúdo que meu negócio precisa?

Existem muitos estudos apontando que o ideal seria postar um bom texto por dia, mas pela nossa experiência recomendamos 2 a 3 conteúdos semanais no blog como um bom começo.


E-mail Marketing

O e-mail marketing é uma das estratégias de marketing digital mais eficientes, pois possibilita a comunicação com clientes ou prospects que já conhecem sua empresa.

Se você já tiver uma lista de e-mails o custo será basicamente de criação das peças e da ferramenta de envio. Mas isso não é tão simples assim. O e-mail marketing possui muitas particularidades técnicas, como qualidade do domínio e dos servidores de envio, técnicas anti-spam, remarketing, segmentações diversas.

Seguindo o raciocínio do item anterior, no caso da criação das peças é necessário um profissional que entenda das técnicas mais atuais e também da parte estratégica de comunicação. Os profissionais qualificados de e-mail marketing são raros no mercado.

Além disso existe o custo das ferramentas de envio. Existem muitas ferramentas no mercado e os custos podem variar. Algumas cobram por quantidade de envios e outras por quantidade de e-mails. 

Caso você ainda não possua uma lista consistente, será necessário investir em outras estratégias para atrair novos visitantes para seu site e novos cadastros para sua base.


Redes Sociais

As redes sociais são provavelmente o serviço mais conhecido de marketing digital. Muitas empresas colocam estagiários ou contratam freelancers para a gestão de redes sociais, mas nem sempre eles tem o conhecimento técnico necessário ou são comprometidos com os resultados. Essa "economia" pode ser um tiro no pé para a imagem da marca.

Um analista de redes sociais precisa saber estudar o mercado, conhecer o público-alvo e entender de estratégia para produzir conteúdos que engajem os seguidores da página da empresa. Além disso é necessário conhecer ferramentas de monitoramento e entender de gestão de crise, trabalho que antes eram das assessorias de imprensa.

O salário de um Analista Júnior na cidade de SP está na média de R$2.000,00, e as boas ferramentas de redes sociais (monitoramento, postagem, interação) chegam a custar R$500,00 mensais.

Por isso, pense muito bem antes de ser iludido por anúncios como "Gestão de redes sociais por R$300,00”.


SEO (Otimização para o Google)

SEO significa Search Engine Optimization (otimização para os mecanismos de busca), mercado hoje dominado pelo Google. E um trabalho de SEO tem como objetivo melhorar o posicionamento do seu site nos resultados de pesquisa do Google e é um dos trabalhos mais complexos do marketing digital. 

Falando resumidamente, os profissionais de SEO atuam desde a construção ou melhoria do código do site, produzem conteúdo baseado em palavras-chave relevantes, trabalham na obtenção de links, monitoram as páginas e palavras bem colocadas, além de outras técnicas.

O trabalho é complexo e é preciso levar em consideração o valor de todas as etapas acima para um bom resultado. Por isso os valores podem ir de R$1.000,00 a R$10.000,00 mensais dependendo do tamanho do projeto.

É muito importante o comprometimento da empresa e do profissional/agência no médio a longo prazo, pois os resultados geralmente começam a aparecer a partir do 4º mês de trabalho.


Google Adwords

As campanhas de Google Adwords são uma das formas mais rápidas de obter resultado rápido com marketing digital. Porém, se não tiver uma boa gestão pode ter o efeito contrário, gastando rios de dinheiro sem o resultado esperado.

O Google Adwords consiste em pagar a cada clique no seu anúncio, e esses cliques não são mais baratos como antigamente. Hoje existem diversas possibilidades de utilizar a verba, com campanhas de Busca, Display, Google Shopping, Remarketing, entre outras.

É por esse motivo que a maioria das empresas optam por contratar agências especializadas em Google Adwords. A remuneração pode variar entre 15% a 20% de comissão em cima do investimento ou com valores fixos por determinados tipo de trabalho.


Conclusão: o bom não é barato e o barato sai caro

Existem muitas agências oferecendo serviços de marketing digital por valores muito baixos. Levando em conta tudo que foi escrito acima, ou eles não pagam impostos ou possuem mão de obra muito barata.

Muitas empresas médias e grandes se apequenam na hora de negociar os investimentos na internet. Mas é um risco muito grande "economizar” em algo que pode trazer impactos negativos para a marca ou desperdiçar dinheiro.

Existem diversos canais de marketing digital disponíveis e é preciso ser criterioso na decisão entre gerenciar internamente ou contratar uma agência. Entre em contato conosco para tirar suas dúvidas e descobrir quais os melhores investimentos para sua empresa.

 

Compartilhe essa página

Leia também:

Deixe seu comentário