Como um e-commerce pode vender mais na Black Friday

Quem trabalha no varejo já está acostumado: toda última sexta-feira do mês de novembro acontece a Black Friday, dia de grandes promoções que movimentam uma massa enorme de clientes a realizarem compras tanto em lojas físicas quanto em lojas virtuais.

A data tornou-se uma tradição do varejo e cada vez mais marcas aderem ao dia de descontos, sendo considerado uma das maiores datas comerciais do ano.
Se você tem um e-commerce, sabe a importância de realizar promoções sazonais e não pode perder essa chance. Comece a se planejar para participar do Black Friday também.

Como um e-commerce pode vender mais na Black Friday?

Comece a pensar no estoque

A data parece estar longe, mas já é necessário pensar em quais produtos serão ofertados e certificar-se de que há um bom estoque deles.

Tenha os produtos à pronta entrega ou esteja muito bem alinhado ao seu fornecedor, pois é preciso entregar todos os seus produtos no prazo correto sem atrasos para não haver reclamações ou cancelamentos de compra.

Também não adianta querer dar desconto apenas no estoque que está encalhado. Claro, é importante fazer os produtos girarem, mas lembre-se de ofertar também produtos que são bastante desejados pelos clientes.

Alinhe a logística

Muito importante para o sucesso da Black Friday do seu e-commerce, a logística deve estar alinhada e muito bem preparada. Não conte apenas com os Correios: se necessário, contrate uma empresa especializada para realizar as entregas.

Marketing para a Black Friday

Invista no marketing e numa comunicação especial para o Black Friday. Comece a anunciar sua loja virtual desde já e realize campanhas virtuais com antecedência para que sua marca se torne relevante nessa época e marque presença na mente do consumidor.

Calcule aproximadamente 3 semanas de antecedência para já começar as campanhas e não tenha medo de investir! Seja agressivo e trabalhe com todas as possibilidades: campanhas de e-mail marketing, Google Adwords, Facebook Ads e o que mais seu orçamento permitir.

Nada de fraude

Consumidores engajados com a Black Friday costumam monitorar preços de lojas virtuais, portanto, nem pense em fraudar preços, ou seja: aumentar o preço usual dele para depois dar o desconto.

Você pode imaginar que estará lucrando com isso, mas a imagem da sua empresa ficará queimada por um bom tempo caso a fraude seja descoberta!

Ofereça diferenciais

A maioria dos e-commerces também estará investindo pesado na Black Friday, por isso, é importante oferecer diferenciais para se destacar da concorrência. 
 
Pense em opções como entrega expressa, frete grátis à partir de determinado valor, brindes, descontos ainda maiores em kits de produtos comprados juntos, e até mesmo um cupom de desconto para uma compra futura dentro de um limite de data.

Aumente as opções de pagamento

Se o seu e-commerce tem poucas opções de pagamento, considere aumentá-las para a Black Friday. Seja boleto, cartão de crédito, PayPal ou outras soluções, é sempre bom oferecer todas as possibilidades aos clientes.

Prepare-se para o fluxo de clientes

Se sua estratégia de marketing e seu mix de produtos em oferta está bem selecionado e planejado, com certeza fará sucesso e irá aumentar o fluxo normal que sua loja virtual recebe. Esteja preparado para entrar em contato com a empresa que realiza sua hospedagem e garantir que seu e-commerce não vai ficar fora do ar por excesso de visitas.
 
Fique atento também se a sua loja virtual tem uma boa versão responsiva, para que os clientes possam comprar pelo celular ou tablet sem terem problemas.

Faça um agrado aos clientes antigos

Há mais uma maneira que o seu e-commerce pode vender mais na Black Friday: ofereça privilégios para clientes que já fizeram compras em sua loja virtual antes. Crie uma campanha de e-mail marketing especial para eles com um código de desconto único, que garante ainda mais desconto nos produtos que escolherem em seu site.

Siga essas dicas e venda mais na Black Friday de 2017!

Compartilhe essa página

Deixe seu comentário